NOTICIAS ATUAIS E FATOS QUE FIZERAM A HISTÓRIA DO SANTOS FC

<><><><> BEM - VINDO A ESTE BLOG <><><><>


Atenção: Este Blog não tem fins lucrativos e é usado apenas como hobby


sábado, 25 de março de 2017

Histórias e estórias (35): Em 1974, Santos 4 x 4 Goiás


Caros amigos, esta partida, válida pelo Campeonato Brasileiro de 1973, foi disputada em 6 de fevereiro de 1974, e ficou marcado para os esmeraldinos goianos com um jogo memorável contra o Santos no Pacaembu.

O Peixe, com Pelé e Cia em campo, ganhava do Goiás por 4x1, quando nos últimos 15 minutos, o Goiás, comandado por Paghetti, numa partida inspiradíssima em que marcou três gols, arrancou um glorioso empate, ficando a partida em 4x4.

Correção: No vídeo abaixo, é destacado que a partida foi realizada na 
Vila Belmiro, porém, o certo é o Pacaembu.



SANTOS (SP) 4 x 4 GOIÁS (GO)

Data: 06/02/1974.
Campeonato Brasileiro 1973
Local: Estádio do Pacaembu / São Paulo (SP)
Árbitro: Arnaldo César Coelho
Renda: 288.023,00
Público: 27.246
Gols: Nenê 20, 32 e 37, Paghetti 44/1º, Emílio contra 09, Paghetti 34 e 37 e Lucinho 45/2º

SANTOS: Cejas, Carlos Alberto Torres, Marinho Peres, Vicente e Zé Carlos; Clodoaldo (Roberto) e  Léo Oliveira; Mazinho, Nenê, Pelé e Edu.

GOIÁS: Lumumba, Triel, Emílio, Matinha e Cláudio; Tuíra e Hertz; Lucinho, Paghetti, Lincoln e Raimundinho.

Neste vídeo, você verá também os gols do Santos  FC


quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Histórias e estórias (37) - Seleção com 7 do Santos


Brasil, 1963

Caros amigos,vejam a Seleção Brasileira, campeã da Copa Rocca em 1963, batendo a Argentina por 5 a 2, no Maracanã. Uma foto rara em uma das poucas vezes que Pelé e Amarildo atuaram juntos. Os gols do Brasil foram marcados justamente pelos dois (três foram do Rei). Enrique Fernandez e Mário Rodriguez descontaram para a Argentina.

Em pé: Djalma Santos, Zito, Altair, Cláudio Danni, Gylmar e Mauro. Agachados: Dorval, Mengálvio, Amarildo, Pelé e Pepe (sete jogadores do Santos).



                               (Colaboração especial de José Roberto Nascimento - Santos / SP)

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

O dia que "estourou" o alambrado da Vila Belmiro





No dia 20 de setembro de 1964, devido a muita pressão por excesso de público, parte do alambrado da Vila não resistiu e veio abaixo. O ocorrido foi  em um clássico contra o Corinthians. 



Santos e Corinthians sempre foram rivais absolutos. Torcedores nunca se deram bem. Afinal Pelé fez os corintianos sofreram por 11 anos. Posteriormente, os alvinegros da Vila Belmiro não viram seu time  vencer o Timão por oito anos.

Até os jogadores ajudaram a socorrer
os feridos


No dia 20 de setembro de 1964, pelo Campeonato Paulista no estádio da Vila Belmiro – e que também ganhou o apelido carinhoso de “a Vila mais famosa do Mundo” - estava lotada com 32.986 pagantes - recorde de público até hoje - e logo aos 6 minutos do primeiro tempo, devido a muita pressão por excesso de público, parte do alambrado que estava encostado na arquibancada dos fundos, desabou, deixando 181 torcedores feridos (o local em que o alambrado desabou, estava em obras).


Com o susto e o pânico do momento, além dos torcedores que foram arrastados, outros saltaram para o gramado pensando que a arquibancada estava desmoronando, o que, felizmente não aconteceu.Todos dentro do estádio ficaram muitos assustados, mas o incidente não deixou nenhum torcedor gravemente ferido.

A partida acabou sendo suspensa, e remarcada para o dia 30 de setembro, no estádio do Pacaembu e acabou empatada em 1 a 1. 

A Vila abarrotada no dia 20 de setembro de 1964.
Quase 33 mil pagantes passaram pelas catracas
do estádio do Peixe


Depois desta ocorrência na Vila Belmiro, o Clube decidiu tomar algumas providências. E uma delas foi diminuir a capacidade que era de mais de 30.000 para 15.800 pessoas.

A segurança dentro e fora do clube foi modificada. Hoje a Vila tem modernos camarotes, cadeiras em quase todo os setores, alambrados com vidros temperado, um gramado moderno, um novo sistema de iluminação, entre muitas outras mudanças que só veio a beneficiar o clube e principalmente os torcedores.
O momento em que ocorreu o desabamento do alambrado


O vídeo abaixo está bastante precário e não tem som, mas da para ter uma excelente noção de como a Vila Belmiro parecia um verdadeiro formigueiro. O momento do desabamento do alambrado foi muito bem captado. 



Agradecimentos especiais a José Roberto Nascimento - Santos / SP, Ademir de Abreu Serrão, São Vicente - SP (enviou e-mail) e também para o 'Erre' (que estava presente na Vila naquele dia). Todos colaboraram informando detalhes importantes do ocorrido e publicado neste post.


segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

Maiores Campeões Paulista das Décadas




Caros amigos, com o Paulistão 2017 prestes a se iniciar, apresentamos um resumo dos maiores vencedores, década a década do referido campeonato. 

Confira:





Década de 1900
São Paulo Athletic Club, com 3 títulos (1902-03-04)

Década de 10
Paulistano, com 5 títulos (1913-16-17-18-19)

Década de 20
Corinthians, com 5 títulos (1922-23-24-28-29)

Década de 30
Corinthians e Palestra Itália, 4 títulos (1930-37-38-39 e 1932-33-34-36 respectivamente)

Década de 40
São Paulo, com 5 títulos (1943-45-46-48-49)

Década de 50
Corinthians e Santos, com 3 títulos (1951-52-54 e 1955-56-58 respectivamente)

Década de 60
Santos, com 8 títulos (1960-61-62-64-65-67-68-69)

Década de 70
Palmeiras e São Paulo, com 3 títulos (1972-74-76 e 1970-71-75 respectivamente)

Década de 80
São Paulo, com 5 títulos (1980-81-85-87-89)

Década de 90
Corinthians, Palmeiras e São Paulo, com 3 títulos (1995-97-99, 1993-94-96 e 1991-92-98 respectivamente)

Década de 2000
Corinthians, com 3 títulos (2001-03-09)

Década de 2010
Santos, com 5 títulos (2010-11-12-15 e 16)