NOTICIAS ATUAIS E FATOS QUE FIZERAM A HISTÓRIA DO SANTOS FC

<><><><> BEM - VINDO A ESTE BLOG <><><><>


Atenção: Este Blog não tem fins lucrativos e é usado apenas como hobby


segunda-feira, 30 de abril de 2012

Os que mais marcaram para o Santos após a Era Pelé


Serginho e João Paulo, quando este,
 já atuava pelo Corinthians
  1º – Neymar – 108 gols

  2º – João Paulo e Serginho  – 104 gols
 
  3º – Juary – 101 gols

  4º – Robinho – 94 gols

  5º – Kléber Pereira – 87 gols

  6º – Guga – 74 gol

  7º – Giovanni – 73 gols

  8º – Viola – 67 gols

  9º – Elano – 63 gols

10º – Deivid – 60 gols

11º – Dodô e Macedo – 59 gols

12º – Paulinho McLaren – 55 gols

13º – Pita – 53 gols

(Atualizado em 20 / 06 / 2012)

Comemoração do time após a vitória no Morumbi...

Na Itália, Juary se emociona com homenagem de Neymar


O segundo gol marcado por Neymar sobre o São Paulo foi especial. Com ele, o camisa 11 santista chegou a 101 gols, igualando a marca de Juary, atacante que fez parte da primeira geração dos chamados Meninos da Vila, com a qual o Peixe foi campeão paulista em 1978. Logo após receber passe de Ganso e bater na saída do goleiro Denis, Neymar correu para o canto do gramado e imitou a comemoração característica de Juary, dando voltas em torno da bandeirinha de escanteio.

Aos 53 anos, Juary hoje é técnico do Sestri Levante, um time da Série D da Itália. Por telefone, na Rádio Globo, ele conversou com Neymar logo após o clássico do Morumbi. E se emocionou

- Estou feliz, feliz por você, feliz pelo grupo do Santos. É como o Pelé sempre diz: “Se quiserem fazer algo por mim, que façam em vida”. Por isso, fico feliz pela homenagem – disse Juary.

- É uma honra pra mim, está sendo um dia especial, cheguei a 101 gols pelo Santos e esse gol é pra você, a comemoração é uma homenagem – respondeu Neymar.

- Na concentração a gente vê gols de ídolos antigos do Santos, e você é um deles – emendou o camisa 11 do Peixe.

Juary contou que, há seis anos, tentou levar Neymar para jogar na Itália, mas que não foi possível. No fim da conversa, afirmou:

- Queria eu ter jogado ao lado desse menino.

Neymar ouviu, sorriu e soltou

- Quem me dera eu ter jogado ao lado de você!

Neymar ainda marcou depois o 102º gol pelo Santos, superando Juary e ficando a dois de igualar Serginho Chulapa e João Paulo, os maiores artilheiros da história do Peixe após a era Pelé. No geral, Neymar é o 21º maior goleador de todos os tempos com a camisa do Alvinegro Praiano.
(Fonte: GloboEsporte.com)

Musica que Neymar pediu no Fantástico: Ao Cubo - 1980

Existem vários vídeos com esta música no you tube. Optamos por este, que aparece a letra na
 tela e é mais fácil seguir a história que o autor conta através da música. Não faz meu gênero, mas vale a pena ouvir. 
         Essa é a história do Marquinhos, rapper do grupo 'Ao Cubo'.



domingo, 29 de abril de 2012

Neymar faz três e é Santos na decisão!


Caros amigos, não sou supersticioso mas vejam estes números: Neymar marcou 3 vezes, eliminamos o mesmo adversário 3 anos seguidos, usamos o uniforme numero 3 e estamos prestes a conquistar o paulistão 3 vezes seguidas. Sem menosprezar o Guarani, que será nosso adversário na final, vocês não acham que com estes números, o título já está no papo? - digo, no Memorial das Conquistas?

Há três anos, São Paulo e Santos se enfrentam nas semifinais do Paulistão. E o resultado é conhecido: sempre dá Peixe! Assim como em 2010 e 2011, o Alvinegro passou pelo São Paulo. Desta vez, com um show de Neymar, que fez os três gols na vitória deste domingo por 3 a 1, no Morumbi.

Apesar de que o São Paulo foi muito valente em campo, o Santos esteve impecável nesta tarde no Morumbi. A defesa esteve bem postada, o meio de campo ótimo e o ataque, bem, o que dizer se teve Neymar super inspirado e com uma incrível fome de gols.

Esta é a quarta final seguida do Peixe no quarto ano do craque Neymar como profissional. Perdeu 2009 para o Corinthians, mas ganhou do Santo André e Corinthians nos dois anos posteriores. O Santos vai enfrentar o Guarani no próximo domingo em Campinas e a grande final será em São Paulo ou na Vila Belmiro.

Agora nosso time vai em busca do 20º título paulista. Desde a década de 1960 nenhum time ganha três títulos paulistas seguidos. Os dois últimos tri-campeonato foram conquistados pelo Santos em 1960, 1961, 1962 e 1967, 1968 e 1969.

Por ocasião do segundo gol, Neymar homenageou o ex-atacante Juary, a quem igualou com 101 gols na artilharia histórica do Peixe, correndo ao redor da bandeira de escanteio, como era o costume do ex-atacante. Agora faltam só três gols para Neymar ser o maior artilheiro do Santos após a Era Pelé.

E o uniforme azul turquesa, hein? Na minha opinião, caiu como uma luva. Parece que encorpa mais o nosso time, dando ainda mais personalidade aos jogadores. Muito feliz a criação deste terceiro manto!




Em Cascavel - PR, um bom número de torcedores reuniu-se na sede do recém criado ''Fã Clube Santista de Cascavel'', para assistirem ao jogo. Aproveitando, quero convocar os torcedores Santistas de nossa cidade, para comparecerem nos dias de jogos na rua Presidente Bernardes, a duas quadras da rua Manaus, bairro Cancelli, e se inscreverem como sócios do Fã Clube.
Abaixo, fotos de parte da torcida que estava presente:






sábado, 28 de abril de 2012

Em 2010 e 2011, Santos venceu o São Paulo na semifinal


Semifinal 2010

SANTOS 3 X 0 SÃO PAULO
CAMPEONATO PAULISTA 2010 - 2º JOGO - SEMIFINAL - 18/04/2010

SANTOS: Felipe; Pará, Edu Dracena, Durval, Léo; Wesley, Arouca, Marquinhos (Rodrigo Mancha), Paulo Henrique; Neymar (Madson) e Robinho (Zé Eduardo). TÉCNICO: Dorival Júnior.

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Cicinho, Alex Silva, Miranda e Richarlyson; Rodrigo Souto, Hernanes, Jorge Wagner e Cleber Santana (Washington); Dagoberto e Fernandinho (Léo Lima). TÉCNICO: Ricardo Gomes.

GOLS: Neymar (14min/2ºT), Neymar (37min/2ºT) e Paulo Henrique Ganso (41min/2ºT).

CARTÕES AMARELOS: Rodrigo Souto, Hernanes, Durval, Alex Silva, Rogério Ceni, Dagoberto, Richarlyson, Cicinho, Marquinhos e Miranda.

CARTÕES VERMELHOS: -.

ÁRBITRO: José Henrique de Carvalho.
AUXILIARES: Celso Barbosa de Oliveira e Giovani Cesar Canzian.

LOCAL: Estádio Urbano Caldeira (Vila Belmiro), Santos - SP. DATA: Dom, 18-04-2010, 16h00.

PÚBLICO: 13.785 pagantes. RENDA: R$ 926.360,00.

                                                         
                                       Semi-final 2011



São Paulo 0 x 2 Santos 30/04/2011
Local: Estádio do Morumbi, São Paulo (SP)
Público: 44.675 pagantes
Renda: R$ 1.232.468,00
Árbitro: Raphael Claus
Cartões amarelos
São Paulo: Casemiro, Miranda e Juan
Santos: Ganso
Gols
Santos: Elano, aos 15min, e Ganso, aos 28min do 2º tempo

São Paulo
Rogério Ceni; Xandão, Alex Silva, Miranda e Juan; Jean, Casemiro (Fernandão) e Carlinhos Paraíba; Ilsinho (Willian José), Dagoberto e Marlos (Rivaldo). Técnico: Paulo César Carpegiani

Santos
Rafael; Jonathan, Edu Dracena, Durval e Léo (Alex Sandro); Danilo, Arouca e Elano (Adriano); Ganso; Zé Eduardo (Bruno Aguiar) e Neymar. Técnico: Muricy Ramalho

Títulos disputados entre Santos x São Paulo


Caros amigos, Santos x São Paulo é um clássico que sempre proporciona grandes jogos, principalmente quando estes são decisivos. O confronto de domingo não será o que decidirá o título, mas quem vencer terá grandes chances de sagrar-se campeão.


Abaixo, demonstramos os títulos que foram disputados pelos dois times ao longo de suas histórias:

1948 - São Paulo Campeão - Santos Vice - Paulista ; Pontos Corridos 
1956 - Santos Campeão - São Paulo Vice - Paulista ; Jogo Desempate
1957 - São Paulo Campeão - Santos Vice - Paulista ; Pontos Corridos
1958 - Santos Campeão - São Paulo Vice - Paulista ; Pontos Corridos
1967 - Santos Campeão - São Paulo Vice - Paulista ; Jogo Desempate
1978 - Santos Campeão - São Paulo Vice - Paulista ; Final
1980 - São Paulo Campeão - Santos Vice - Paulista ; Final
2000 - São Paulo Campeão - Santos Vice - Paulista ; Final 
2006 - Santos Campeão - São Paulo Vice - Paulista ; Pontos Corridos
2007 - São Paulo Campeão - Santos Vice - Brasileiro ; Pontos Corridos

Muricy faz mistério, fecha treino e testa três zagueiros

O técnico Muricy Ramalho escondeu parte do treinamento deste sábado e não confirma a equipe titular que enfrenta o São Paulo, neste domingo, às 16h, no Morumbi, pelas semifinais do Paulistão Chevrolet.

Os 30 minutos iniciais da última atividade antes do clássico foram fechados para a imprensa, que só teve acesso ao CT no fim do treino coletivo. Porém, quando a entrada dos jornalistas foi liberada, ainda foi possível ver a equipe formada no 3-6-1, tendo Neymar como única referência no ataque.

O time titular foi composta por Bruno Rodrigo ao lado de Durval e Edu Dracena na zaga, Maranhão e Léo nas alas, além de Arouca, Adriano, Paulo Henrique Ganso e Elano na linha central do gramado. Borges treinou na equipe reserva.

A formação vista no treino deste sábado lembra a medida adotada por Muricy Ramalho durante o confronto diante do Tricolor na semifinal de 2011, quando o Peixe venceu por 2 a 0. Na ocasião, o treinador sacou o atacante Zé Eduardo, no intervalo, apostou no zagueiro Bruno Aguiar e adiantou seus dois laterais, povoando assim o meio de campo.

Apesar do mistério, é certo que o treinador não poderá contar com o volante Henrique, que se recupera de lesão no joelho direito, e o lateral Fucile, que machucou o tornozelo esquerdo. Além deles, outro desfalque é Juan, que recebeu o terceiro cartão amarelo no último jogo, e já não poderia atuar diante do Tricolor, clube que detém seus direitos federativos.
(Fonte: Lancenet.com)

Santos encara o São Paulo de azul-turquesa


Sem a camisa listrada, programada para ser lançada pela Nike apenas em setembro, o Santos entrará em campo diante do São Paulo no próximo domingo, às 16 horas, de azul-turquesa. Mandante da semifinal no Morumbi, o Tricolor optou por usar o uniforme branco.

Lançado no dia do centenário do Peixe, o uniforme azul já caiu no gosto dos torcedores santistas e tem dado um colorido à torcida alvinegra. A estreia oficial da camisa 3 aconteceu na vitória por 2 a 0 sobre o The Strongest, na Vila Belmiro, pela última partida da fase de grupos da Libertadores.

Arbitragem

A Federação Paulista de Futebol definiu o trio de arbitragem que comandará o San-São. Paulo Cesar de Oliveira será o responsável por comandar o duelo no Morumbim auxiliado por Emerson Augusto de Carvalho e Vicente Romano Neto.

O dérbi campineiro entre Guarani e Ponte Preta será apitado por Flávio Rodrigues Guerra e terá Marcelo Carvalho Van Gasse e Marcio Luiz Augusto como assistentes.
(Fonte texto: Jornal A Tribuna - Santos)

quinta-feira, 26 de abril de 2012

Santos apresenta novo uniforme... do Neymar!


     (Copiado do blog do Milton Neves)

Ponte x São Paulo é adiado. Santos foi o maior prejudicado...


O adiamento do jogo entre São Paulo x Ponte Preta, pela Copa do Brasil, nesta quinta-feira, causou irritação no Santos. O meia Paulo Henrique Ganso, pelo Twitter, se manifestou rapidamente e desabafou.

Ganso disse que o Peixe foi prejudicado, já que o rival terá mais tempo para se preparar para a semifinal do Paulistão, no próximo domingo, entre as duas equipes.

"Sempre o Santos prejudicado!", postou o camisa 10 do Peixe.

O vice-presidente de futebol do Santos, Odílio Rodrigues Filho, também disse que a equipe foi prejudicada, mas espera que a decisão tenha sido tomada baseada em critérios técnicos.

- A coisa fica desigual. Fomos prejudicados. Porque teve todo o sacrifício da nossa ida a Bolívia, chegamos às seis e meia da manhã em Santos, com o time muito cansado e temos jogo já domingo. Ficamos inferiorizados com relação ao São Paulo - disse Odílio, por telefone, ao LANCENET!.

São Paulo e Ponte Preta se enfrentariam nesta quinta-feira, às 22h, pela primeira partida das oitavas de final da Copa do Brasil. Porém, o duelo em Campinas foi cancelado por conta da chuva, que alagou o gramado da equipe do interior. O duelo será remarcado, ainda sem data para acontecer.

Já a semifinal do Paulistão, entre Santos e São Paulo, será no próximo domingo, às 16h, no Morumbi.
(Fonte: Lancenet.com)

Ibson interessa ao Flamengo e Santos estuda troca


Ibson poderá ser jogador do Flamengo no próximo Campeonato Brasileiro. A diretoria do clube carioca espera anunciar o reforço em breve. Mas o Santos não liberaria o jogador de mãos vazias. O clube da Vila Belmiro negocia uma troca. O lateral-direito Rafael Galhardo e o zagueiro David Braz interessam ao técnico Muricy Ramalho.

A negociação estaria adiantada. Nos bastidores, a transferência vem sendo dada como 99,9% encaminhada. Esta é a segunda vez no ano que o Flamengo tenta a aquisição de Ibson. No início da temporada, o clube carioca tentou contratá-lo em troca pelo zagueiro Alex Silva, mas o negócio não avançou.

O meia é uma das peças importantes do Santos que está na disputa simultânea da Libertadores e do Paulista. O combinado entre os clubes seria que Ibson só deixasse o Santos após a semifinal do Paulistão, contra o São Paulo.
(Fonte: Jornal A Tribuna - Santos)

ÍDOLOS DO SANTOS FC (3) - Gilmar dos Santos Neves



HOJE É O DIA DO GOLEIRO


QUERO PARABENIZAR A TODOS OS GOLEIROS, PRINCIPALMENTE OS QUE DEFENDERAM AS CORES DO GLORIOSO SANTOS FC.


COMO HOMENAGEM, ESTOU REPRISANDO ESTA POSTAGEM COM O MEU GRANDE ÍDOLO DE INFÂNCIA E JUVENTUDE: GILMAR DOS SANTOS NEVES 



História que começou em 1930, no bairro do Macuco em Santos, onde nasceu o garoto que estudaria em colégios de padres e gastaria seu tempo livre nas peladas de rua, procurando imitar as pontes de Oberdã Cattani, goleiro do Palmeiras:

“Eu via na Gazeta Esportiva e tentava fazer igual. Acho que já tinha uma tendência para jogar na posição, porque não sentia dificuldade. Gostava do gol. Era uma posição diferente, bonita”, lembra Gilmar.

Gilmar começou a jogar no Jabaquara (pequeno clube da cidade de Santos) e foi para o Corinthians, seu primeiro grande clube, por um acaso. Na verdade, os dirigentes do clube paulista queriam outro jogador do clube santista, o meio-campista Ciciá, que o Jabaquara só aceitou vender se o    clube levasse Gilmar de contra-peso.


No Corinthians:
O seu início no Corinthians, foi um tanto complicado, pois foi considerado o principal culpado pela derrota por 7 a 3 (25 de novembro de 1951) contra a Portuguesa de Desportos pelo Campeonato Paulista. Depois de quatro meses voltaria a defender a meta alvinegra, para se consagrar campeão paulista. Durante seus dez anos de Corinthians, conquistou os títulos do Torneio Rio-São Paulo de 1953 e 1954, os Campeonatos Paulistas de 1951, 1952 e 1954, este último no qual festejava-se o IV centenário da cidade de São Paulo e foi condecorado com o título de "supremo guardião do campeão do quarto centenário".



No Santos:
Em 1961, após dez anos, ele se despediu do Corinthians, em meio a brigas com o presidente Wadih Helou, que o acusava de corpo mole durante os primeiros anos de fila do clube no paulistão. Seguiu então, sua trajetória no Santos, de Pelé, onde teve os melhores momentos de sua carreira, se tornando um dos maiores goleiros de todos os tempos. Gilmar dizia viver no Santos o melhor momento de sua carreira, não só pelo fato de estar em um grande e vitorioso time, mas também por estar no seu time de coração (Gilmar era torcedor do Santos desde os tempos de Jabaquara). Permaneceu até 1969, conquistando os Campeonatos Paulistas de 1962, 1964, 1965, 1967 e 1968. As Taças Brasil de 1962, 1963, 1964 e 1965. As Taças Libertadores da América de 1962 e 1963, os Mundiais Interclubes de 1962 e 1963, os Torneios Rio-São Paulo de 1963,1964, e 1966, o Torneio Roberto Gomes Pedrosa de 1968 e a Recopa dos Campeões Mundiais de 1968. Além destes, conquistou inúmeros torneios internacionais durante os oito anos em que defendeu as cores do Peixe.


EM 1965, COM O MORUMBI AINDA EM CONSTRUÇÃO,
GILMAR E LIMA, ENTRE UM MASCOTE DO SÃO PAULO E
OS GAROTOS DA PRELIMINAR DE PORTUGUESA DE
DESPORTOS E CORINTHIANS 
PELÉ EXTRAVASA SUA EMOÇÃO NO
OMBRO DE GILMAR, APÓS A
CONQUISTA DO MUNDIAL DE 1958

























Na Seleção:
Gilmar fez sua estréia na Seleção Brasileira em 01 de março de 1953, na vitória de 8 a 1 sobre a Bolívia, válida pelo Campeonato Sul-Americano (atual Copa América), disputado no Peru. Assim como nos clubes em que passou, Gilmar também fez história na Seleção do Brasil. Em 1958, ajudou a Seleção Brasileira a conquistar a sua primeira Copa do Mundo. Em 1962, repetiu o feito conquistando sua segunda Copa do Mundo. Em 1966, Gilmar também estava lá. Porém, ele não teve a mesma glória de 1958 e 1962, embora tivesse jogado duas partidas e mais tarde seria substituído pelo Manga. Gilmar jogou pela Seleção Brasileira até 1969, sendo a vitória de 2 a 1 contra a Inglaterra, em 12 de junho, num amistoso disputado no Maracanã, sua última partida pela seleção.

A nota triste desta gloriosa trajetória esportiva, é que Gilmar dos Santos Neves, sofreu derrame (AVC) no ano de 2000 e infelizmente ficou com 40% do corpo paralisado e hoje está utilizando cadeira de rodas.



SELEÇÃO BRASILEIRA CAMPEÃ MUNDIAL DE 1958 - EM PÉ: DE SORDI, ZITO, BELLINI, NILTON SANTOS,
ORLANDO E GILMAR. AGACHADOS: GARRINCHA, DIDI, PELÉ, VAVÁ, ZAGALLO E MARIO AMÉRICO.




Manifesto Público da Nike Na Vila Belmiro

                             
                       (Colaboração especial de José Roberto Nascimento - Santos - SP)

Peixe perde na altitude de La Paz: Bolívar 2 x 1 Santos

Caros amigos, levar um gol a um minuto de jogo, na casa do adversário e ainda com altitude de 3660 mt, é tudo o que nenhum time deseja para si. O Santos ainda teve a felicidade de marcar um gol, o que facilitará em muito sua tarefa na partida de volta, que já está decidido que será na Vila Belmiro. O caldeirão terá que ferver...

Analisando o desenrolar da partida, acho que o resultado ficou de bom tamanho para nosso time, principalmente porque no segundo tempo, o que fizemos foi nos defendermos. Isto aconteceu até o momento da marcação do segundo gol dos bolivianos, quando então, como acontece muito com o Santos quando atua fora de casa, só resolve jogar quando está em desvantagem no placar. Por que não teve a mesma determinação antes de levar o segundo gol?

Agora, é esquecer momentaneamente a Libertadores e se concentrar no campeonato paulista, que tem uma pedreira pela frente no próximo domingo: o São Paulo FC!


quarta-feira, 25 de abril de 2012

Descobridor de Neymar, Zito recorda primeira impressão


Se o Santos pode contar com o craque Neymar em seu time, um dos grandes responsáveis é Zito. Bicampeão mundial em 1958 e 62 com a Seleção Brasileira, o ex-jogador do Peixe relembra com carinho o fato de ter sido ele quem indicou o atacante ao clube, há nove anos atrás, em 2003.

- Um torcedor do Santos me chamou e disse para ir ver um menino que estava jogando futebol de salão em um torneio. Foi uma coisa linda. Eu vi o Neymar jogando com 11 anos, fazendo tudo o que ele faz hoje - disse Zito no "Bem, Amigos!".

Na ocasião, Zito era coordenador das categorias de base do Santos. Encantado com o talento de Neymar, o ex-jogador o indicou prontamente ao presidente santista, Marcelo Teixeira.

- Falei que tínhamos que contratar ele, o pai, a mãe, tudo - brincou o ex-jogador.

Zito viu Neymar crescer e desenvolver seu futebol. Hoje, continua grande fã do talento da joia santista, e diz que, a exceção de Pelé, nunca viu um jogador com tanto talento como o camisa 11. Nem mesmo Robinho.

Questionado se não seria melhor para o atacante deixar o país e atuar no futebol europeu para evoluir ainda mais, Zito foi categórico. Afirmou que ‘sua descoberta’ deve permanecer no Brasil e ainda o colocou à frente de Lionel Messi, eleito o melhor do mundo pela Fifa por três anos seguidos.

- Acho que ele tem que ficar aqui mesmo, no Santos. Na minha opinião, o Neymar é o melhor jogador da América. Acho ele melhor até mesmo que o Messi. O argentino faz mais gols do que ele, mas no futebol o Neymar é o melhor jogador do mundo hoje - concluiu.
(Fonte texto: Globo Esporte.com)




Caros amigos, no dia 26/12/2006, cerca de 15 mil pessoas compareceram na Vila Belmiro para prestigiar um jogo beneficente entre os amigos de Robinho contra os amigos de Carlos Alberto. Dentre os jogadores, estavam presentes ex-craques santistas como Diego, Deivid, além de estrelas como Romário, Elano, Denílson, Vagner Love, Marcelinho Carioca e um garotinho de 14 anos chamado Neymar. No vídeo abaixo, apresentamos o golaço que Neymar fez após receber passe de Romário:



terça-feira, 24 de abril de 2012

Libertadores 2005 - Santos 6 x 0 Bolívar

Caros amigos, enquanto aguardamos com grande expectativa o jogo desta quarta entre Santos x Bolívar, vamos conferir a goleada aplicada pelo Peixe no mesmo time boliviano, em 2005, na Vila Belmiro. Na primeira partida na Bolívia, o Santos havia perdido por 4 x 3.



Data: 11/05/2005
Competição: Copa Libertadores
Local: Estádio da Vila Belmiro, em Santos, SP, Brasil.
Público: 17.906 pagantes
Renda: R$ 220.276,00
Árbitro: Jorge Larrionda (URU)
Gols: Bóvio, Ávalos, Paulo César, Ricardinho, Basílio e Deivid.

SANTOS
Henao, Paulo César (Flávio), Ávalos, Hallisson e Léo; Fabinho, Bóvio (Basílio); Zé Elias e Ricardinho; Deivid e Robinho.
Técnico: Gallo

BOLÍVAR
Caballero; Sánchez (Peña), Torrico, Ferreira e Pachi; Galindo, Ângulo, Reyes e Zermatten; Fischer (Cabrera) e Gutiérrez.
Técnico: Vladimir Soria

Técnico do Bolívar, ironiza Neymar: "Não sei nem quem é"

O técnico do Bolívar, adversário do Santos nesta quarta-feira, pelas oitavas de final da Libertadores, ignorou os feitos alcançados por Neymar e usou de ironia quando foi perguntado sobre o craque santista.

Depois da partida do último domingo, em que sua equipe perdeu para o Real Potosí por 3 a 0, pelo Torneo Clausura da Bolívia, Ángel Guillermo Hoyos surpreendeu com uma declaração polêmica.

- Não sei nem que é - disse Hoyos, a um jornalista local, para depois enfatizar que o melhor do mundo é Messi.

A citação do argentino, além de óbvio, tem uma razão especial para o técnico do Bolívar. De 2001 a 2006, ele treinou o Barcelona B e se diz "descobridor" de Messi, que dava seus primeiros passos na equipe catalã na época.

Na sequência de sua entrevista, Hoyos até foi mais ameno com a Joia, mas seguiu ressaltando a qualidade de seu time, em quem prefere acreditar e promete não mudar o estilo de jogo ofensivo por se tratar do Santos.

- Como já disse, Neymar é uma figura mundial, uma grande estrela, mas para os jogadores é um rival do futebol. Não pensamos nele ou em Ganso, e sim na responsabilidade de representar a Bolívia da melhor maneira possível - disse o técnico.

Nesta terça-feira, véspera da partida, ele comanda o último treino de sua equipe, quando deve testar a formação principal. Hoyos está no Bolívar desde o ano passado e é considerado o principal responsável pela boa campanha da equipe na Libertadores.
(Fonte texto: Lancenet.com)

MAKING OF - SANTOS X MOGI MIRIM

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Novamente Neymar: Craque grava clipe do ‘Tchu, Tcha, Tcha’ na Vila Belmiro

A atribulada agenda de Neymar teve mais um compromisso extracampo nesta segunda-feira. Antes do treinamento do Santos, o popstar do Peixe foi até a Vila Belmiro para fazer participação especial na gravação do clipe da música "Eu quero tchu, eu quero tcha", da dupla sertaneja João Lucas e Marcelo.

O som ficou famoso especialmente após o craque do Alvinegro Praiano comemorar seu centésimo gol da carreira, contra o Palmeiras, fazendo dancinha característica da música. Os passos, inclusive, foram inventados por seu amigo Gustavo, um dos "parças" escalados para participar da gravação.

Santos inscreve Maranhão e deixa Gerson Magrão fora da Copa Libertadores

O Santos anunciou nesta segunda-feira que o lateral-direito Maranhão será inscrito na fase de mata-mata da Copa Santander Libertadores.

Por outro lado, surpreendentemente, o meia Gerson Magrão, uma das contratações do clube para esta temporada, ficou fora e só será utilizado mesmo no Campeonato Brasileiro.

Maranhão vestirá a camisa 21 no lugar de Pará, emprestado ao Grêmio. Ele ganhará chance por conta da série de problemas que o técnico teve nos últimos dias para compor o setor pela direita.

Sem Fucile, se recuperando de uma torção no pé esquerdo desde a penúltima rodada da primeira fase do Paulistão, Muricy vinha improvisando Henrique pela direita, mas no último sábado o volante também virou baixa. Ele sofreu uma lesão no joelho direito e dificilmente enfrenta o Bolívar, nesta quarta-feira, em La Paz, pela primeira partida das oitavas de final da competição internacional.

Para piorar, o lateral-direito Crystian, de 19 anos, e que também estava inscrito na Liberta, ficará um período afastado. Ele voltou a sentir uma lesão na coxa direita e, segundo Muricy Ramalho, vai precisar ficar parado fazendo reforço muscular.

- Ele é muito frágil ainda fisicamente. Se forçar um pouco, não guenta. Por isso a importância de um trabalho lá embaixo, na base - afirmou o técnico, após a partida do último domingo, entre Santos e Mogi Mirim, que classificou o Peixe para as semifinais do Paulistão.

O Santos ainda não anunciou a lista completa e tem 48 horas para enviar o 25 nomes à Conmebol, sendo que pagará multa caso opte por divulgar na véspera. Para o mata-mata, cada clube tem direito a três trocas.
(fonte: Lancenet.com)

Empresa de baterias é o décimo primeiro patrocinador de Neymar


O atacante Neymar não para de gerar receita para si próprio. Nesta segunda-feira, o craque anunciou em seu site oficial mais um acordo de patrocínio, válido até agosto de 2014, período em que vence seu contrato com o Santos. Desta vez, a Joia será garoto-propaganda da Baterias Heliar, marca pertencente a uma líder global em fabricação de baterias.

Neymar não divulgou os valores do negócio, mas aumenta ainda mais seus vencimentos, que já chegam a mais de R$ 3 milhões mensais por acordos também com Ambev, Unilever, Nike, Panasonic, Tenys Pé Baruel, Lupo e Banco Santander, Claro, Red Bull e Volkswagen, seus outros patrocinadores.

Desse montante, o que impressiona é que apenas R$ 250 mil são de salários pagos pelo Santos, tudo isso devido ao acordo feito em agosto do ano passado para a permanência da Joia no Peixe.

Pelo contrato, Neymar passou a receber 90% dos acordos de patrocínios firmados pelo Peixe para explorar sua imagem. O clube, por outro lado, fica com os outros 10%, em troca da manutenção de sua mais valiosa Joia até a Copa do Mundo-2014.

- Estou muito feliz em ter mais um parceiro desse nível para ajudar a minha carreira. Na verdade sempre fui muito agitado e acho que já tinha uma bateria Heliar dentro de mim e não sabia (risos) - disse Neymar, ao seu site oficial, sobre o negócio que foi feito com auxílio da 9ine, empresa do ex-atacante Ronaldo e parceira do empresário do jogador, Wagner Ribeiro.

Sempre na mira de Barcelona (ESP) e Real Madrid (ESP), o craque santista passa a ter vencimentos ainda mais equiparados com os pagos pelos grandes clubes europeus. Ele tem multa rescisória de € 70 milhões (cerca de R$ 159,8 milhões), estipulada após a reformulação do contrato ano passado.
(Fonte: Lancenet.com)

domingo, 22 de abril de 2012

Luis Alvaro homenageia Ganso após vitória sobre o Mogi Mirim

Logo após a vitória por 2 a 0 sobre o Mogi, neste domingo, na Vila, Ganso recebeu uma placa pelo golaço que fez na última rodada da 1ª fase do Paulistão, contra o Catanduvense.

Santos vence Mogi Mirim por 2 a 0 e está na semi do Paulistão

Neymar manda um beijo para Edson Ratinho, do Mogi

Caros amigos, com uma atuação segura, o Santos cumpriu as expectativas e fez a sua parte, derrotando o Mogi Mirim, por 2 a 0, na tarde deste domingo, na Vila Belmiro. Os gols de Maranhão e Neymar colocaram o Peixe nas semifinais do Campeonato Paulista

Com Henrique, Elano e Borges poupados, o Santos foi um pouco modificado para essa partida, mas com o mesmo padrão de jogo que vem apresentando em suas últimas exibições. O Peixe abusou do toque de bola para controlar o adversário e, aos poucos, foi criando as chances de gol.

O time do Mogi também abusou, mas em faltas sobre Neymar, que ao todo, foram sete. O recurso encontrado pelo Mogi Mirim na tentativa de parar o craque se mostrou mais do que improdutivo. Usando de intimidação com palavras e pancadas dentro de campo, o Sapão pensou ser possível segurar o craque. Na verdade, isso só aumentou a vontade do camisa 11.

Com uma bela assistência para Maranhão e um golaço na segunda etapa, fazendo fila na defesa adversária e empatando na artilharia com Hernane (agora, cada um tem 13 gols, mas o atacante do Sapão está eliminado), o craque comandou a vitória por 2 a 0 sobre o Mogi Mirim, na Vila Belmiro, e garantiu o Alvinegro nas semifinais do Paulistão, contra o São Paulo.

No entanto, antes de pensar no duelo com o tricolor paulista, que pode lhe levar a mais uma decisão estadual, os  Santistas terão que visitar o Bolívar (Bolívia), na próxima quarta-feira, às 22:00 hrs no confronto de ida das oitavas de final da Copa Libertadores da América. 


Em 2009 - Santos 3 x 0 Mogi Mirim - Primeiro gol de Neymar


Enquanto aguardamos o importante jogo deste domingo, vamos relembrar a vitória do Peixe em 2009, com Neymar marcando seu primeiro gol como profissional.

Neymar pode, mais uma vez, fazer história na tarde deste domingo. Apenas dois gols separam o atacante de completar o tento de número 100 com a camisa do Santos. Pode ocorrer diante do mesmo adversário do qual ele balançou as redes pela primeira vez. 

sábado, 21 de abril de 2012

MAKING OF - SANTOS X THE STRONGEST

Santos lançou ontem selo comemorativo do centenário


O Santos lançou, na tarde desta sexta-feira (20), o selo comemorativo do centenário do clube. A inciativa é uma parceria com o Correios. A cerimônia aconteceu no Salão de Mármore, na Vila Belmiro.

O presidente do Peixe, Luis Álvaro Oliveira Ribeiro, disse que a criação do selo valoriza a vocação internacional do clube.

- Eu acho que essa homenagem vai correr o mundo. Ela confirma a vocação internacional do Santos e será objeto de colecionadores do mundo. Acho que o encontro não poderia ser mais oportuno do que na comemoração dos 100 anos.

Laor também relacionou a homenagem dos Correios com a permanência de Neymar até a Copa de 2014. Ele ressaltou que foi um ato de nacionalidade do Santos.

- Eu acho que é uma homenagem que os Correios fazem ao Santos, de certa forma, fazendo menção ao ato de nacionalidade que o Santos cumpriu mantendo o Neymar no Brasil até a Copa de 2014. Eu acho que a manutenção deste craque fantástico fez bem a cada um de nós brasileiros. A nossa auto-estima foi valorizada. Mostramos ao mundo, e isso eles aprenderam, que não somos mais um País exportador de matéria prima. Temos competência,substância e musculatura para segurar o último ídolo dos torcedores brasileiros aqui entre nós. Cada partida que o Neymar vai significar um selo grudado no álbum das vitórias do Brasil.

O selo faz parte da série "Clubes de Futebol - Rumo à Copa de 2014". Ele tem uma tiragem de 300 mil exemplares e custa R$1,10. As peças filatélicas podem ser adquiridas nas âgencias e na loja virtual dos Correios
Fonte: TvTribuna.com

Acesse o link abaixo e veja alguns momentos do evento
http://www.gazetaesportiva.net/noticia/2012/04/santos/video-santos-e-homenageado-pelos-correios-com-selo-comemorativo.html

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Tabela das oitavas da Libertadores




Caros amigos, analisando as chaves onde estão distribuídos os times que se classificaram para as oitavas, acredito que o Santos ficou com boas chances de chegar à final. Senão vejamos: passando pelo Bolívar, enfrentaremos o vencedor de Vélez e Atlético Nacional, nas quartas de finais. Não são nenhum bicho papão.

Vencendo o  duelo das quartas, nosso adversário para a semi-final sairá de: Corinthians, Emelec, Lanús ou Vasco. Entre todos estes, sou muito mais nosso Santos. E para a grande final, venha quem vier...


O primeiro confronto das oitavas acontece na próxima quarta-feira (25), às 21h50, no Estádio Henrnado Siles, em La Paz (Bolívia). E o segundo, no dia 10 de maio (quinta-feira), às 19h30, na Vila Belmiro.


Santos vence o The Strongest e enfrenta o Bolívar nas oitavas


Jogo difícil, marcação dura dos bolivianos, mas o Santos lutou até o fim e conquistou a classificação para a próxima fase da Libertadores da América. Com dois gols ao apagar das luzes, marcados por Alan Kardec e Neymar, o time assegurou a primeira colocação do Grupo 1.

Estreia do novo uniforme, a participação do já conhecido amuleto de sorte do Neymar - seu filho Davi Lucca - e o fato estar 100% atuando na Vila Belmiro, com seis vitórias conquistadas no palco sagrado.

São vários motivos para o Santos comemorar. Neymar e companhia não tiveram o mesmo brilho de outros jogos, até porque esbarraram nas boas atuações do goleiro Vaca, e do zagueiro Marchesini, mas somaram os três pontos que precisavam.

Após a vitória por 2x0 diante do The Strongest, o Peixe volta suas atenções ao Campeonato Paulista, onde enfrenta o Mogi Mirim, neste domingo (22), às 16h, pelas quartas-de-final. O próximo adversário da Libertadores, para disputar o início do mata-mata na competição continental, será o Bolívar.


quinta-feira, 19 de abril de 2012

Mais velho ex jogador santista, Leonídio visita CT Rei Pelé

Leonídio, o mais velho que já defendeu o Santos
 e Felipe Anderson, atualmente o mais jovem. 


Como um menino, sorriso no rosto, olhos marejados, e alegria contagiante, a “Fortaleza Voadora” se emociona ao reencontrar a sua grande paixão: o Santos Futebol Clube. Sem nenhum tipo de fama e glamour, sua presença acaba passando despercebida pelos jornalistas que o rodeavam, em mais um treino coletivo da equipe alvinegra no CT Rei Pelé.

Dos 87 anos de vida, nasceu em 29/11/1924, mais de 60 são dedicados ao Alvinegro. A história de amor e serviço à equipe santista mexem com o sentimento de Leonídio França, ex-goleiro do Peixe na época de 40, e jogador mais velho do clube ainda vivo.

-Apesar de conciliar outro emprego, e tratar o futebol como um hobby, logo quando cheguei, aos 17 anos, vindo de um clube da várzea, me apaixonei. Foi nele que joguei por toda a minha carreira, e construí uma história de amor – disse.

As mesmas escadas de acesso ao campo por
onde hoje sobem Neymar, Ganso e Cia, em outra
 época subiram Leonídio, Odair Titica e
 Alfredo Ramos 



Afastado do dia-a-dia do Peixe desde 1978, quando foi diretor de futebol dos Meninos da Vila, e um dos propulsores da nova geração santista, Leonídio emocionou-se ao adentrar no CT Rei Pelé para um encontro muito especial. Um encontro de gerações. O sorriso no rosto ao encontrar Felipe Anderson, de 18 anos, o mais jovem Menino da Vila do elenco atual, denunciava a felicidade do ex-goleiro.

O encontro promovido pelo LANCENET! registrou o passado, nem tão distante, e um futuro promissor. Regados a boas risadas, e um gostoso bate-papo, os eternos meninos se entrosaram rapidamente e conversaram sobre o clube.

Após ouvir conselhos do “novo” parça, Felipe Anderson, que é uma das principais apostas do Peixe, também promete fazer historia no clube, e para isso, vai se espelhar em quem tem uma longa e marcante história com a camisa santista.

– Muita gente se pergunta: como aparece tanta gente boa aqui no Santos? A gente só tem que reverenciar esse pessoal da antiga, como o Leonídio, que deu o pontapé vitorioso no Santos. Quero fazer história também – disse Felipe, valorizando o encontro de gerações.


Como foi seu começo de carreira no Santos?
Fiz um contrato de três mil cruzeiros, tinha uma grande amizade com o Athiê (ex-presidente) e ele me buscou no futebol de várzea pelo clube Praticagem, de Santos, aos 17 anos. Apostou em mim, mesmo sabendo que eu trabalhava nas Docas. Eu recebia regalias, não viajava, não concentrava, e mesmo assim era sempre o titular, era o melhor goleiro.

Mas não atuou muito, né?
Cheguei ao Santos com 16 anos e joguei até os 27. Atuei em 64 partidas. Se não tivesse me machucado, teria atuado bem mais. Minha lesão mais grave foi quando um jogador chutou meu braço e quebrei. Jogava cheio de faixas, ninguém sabia, mas uma hora parei senão meu braço iria cair.

Como era a preparação e como mantém o físico até hoje?
De vez em quando, dou uma caminhada na praia para desenferrujar, né? (risos). E o meu preparo físico da época me ajuda até hoje. Apesar de fazer trabalho separado dos demais, me esforçava muito, ninguém entendia como treinava pouco e era titular. Mas hoje posso envelhecer com saúde.

Leonídio posando ao lado de sua foto no
camarote que leva seu nome na Vila Belmiro

GARIMPO DOS 'MENINOS DA VILA DE 78'

O ex-goleiro santista Leonídio foi um dos grandes responsáveis pelo surgimento dos ídolos santistas Pitta, Juary, Nilton Batata, que mais tarde seriam denominados como “Meninos da Vila”, de 1978.

Na época, Leonídio atuava como o diretor de futebol da equipe alvinegra, que era comandada pelo então treinador Formiga, que teve um papel fundamental no título do Campeonato Paulista naquela temporada.

– Toda a garotada daquela época fui eu que garimpei para a equipe maravilhosa, que acabou sendo comandada pelo Formiga, ex-treinador do Santos. Nós tínhamos “as manhãs esportivas” em alguns bairros de Santos, onde eram realizados grandes jogos com os meninos da época. Dali que conseguimos garimpar alguns jogadores e fizemos um ótimo time. Fiquei por um ano, e conseguimos conquistar o Campeonato Paulista.

Saí dessa função porque já estava cansado, mas foi uma época muito gostosa – afirmou.Após a conquista e a troca da diretoria do Santos, Leonídio acabou se afastando do dia-a-dia da equipe, mas permaneceu acompanhando os jogos do Peixe na Vila Belmiro.
(Fonte texto: Lancenet.com)

Neymar pode superar Coutinho nesta quinta-feira


A cada dia Neymar encanta os torcedores e quebra marcas pessoais. Nesta quinta-feira, diante do The Strongest, na Vila Belmiro, o craque pode superar mais uma. Se fizer um gol em Daniel Vaca, o camisa 11 alcançará Coutinho na artilharia do Santos na Libertadores. (Obs. O Peixe deverá vestir azul esta noite)

Com 10 gols, Neymar aparece como o quarto maior goleador do Peixe no torneio, com um a menos do que Coutinho, bicampeão da Libertadores (1962 e 1963).

Apesar de estar perto de ser ultrapassado por Neymar, Coutinho garante que não se preocupa em perder a terceira colocação.

"Acho que o gol é a alegria do espetáculo tanto para o torcedor quanto para o jogador. A lembrança que se tem é dos gols nas vitórias, que eram importantes. Não tem comparação eu e o Neymar, porque a bola dele é uma e a minha foi outra. Eu até torço para que ele faça mil gols se possível, não estou preocupado se ele vai me passar ou não. O que interessa é que na minha época eu fiz os gols e fomos campeões", afirmou o ex-jogador ao site oficial de Neymar.

Confira os maiores artilheiros do Santos na Libertadores

1° Pelé - 17 gols
2° Robinho - 14 gols
3° Coutinho - 11 gols
4° Neymar - 10 gols
5° Ricardo Oliveira - 9 gols
6° Diego - 8 gols
Pepe - 8 gols
7° Kleber Pereira - 7 gols
Zé Roberto - 7 gols
8ª Basílio - 6 gols
Dorval - 6 gols
Elano - 6 gols
Molina - 6 gols
Ricardinho - 6 gols

(Fonte texto: Jornal A Tribuna - Santos)

Zuca - Quase 50 anos a serviço do Santos



Pelé e Zuca



Este post com o roupeiro Zuca, é uma homenagem aos que dia a dia defendem anonimamente as cores do nosso Alvinegro.

Com nada menos que 49 anos de Clube, completados no dia 25 de março, o roupeiro do time profissional José Joaquim Neto, popularmente conhecido como Zuca, tem muitas histórias para contar. Afinal, viveu dentro do clube quase metade desses 100 anos.

Mas ele é determinado ao falar do momento mais marcante: “o milésimo gol do Pelé no Maracanã. Eu era titular do trabalho e foi emocionante. Tem muitos outros, mas esse foi marcante”, conta, com a voz embargada.

Aos 73 anos de idade, Zuca segue firme na rouparia do time profissional no CT Rei Pelé e viu muitas gerações passarem, inclusive o próprio Rei Pelé. “Passou muita gente por aqui. Fico honrado de estar nessa história.

Vim para cá para ficar um ano e estou há 49. No futebol, quem entra, para sair é problemático”, brinca Zuca, que antes de assumir sua função no Peixe, era “bagrinho” (trabalhador da Estiva não sindicalizado) no Porto de Santos.
Parabéns Zuca, pela sua dedicação!

quarta-feira, 18 de abril de 2012

Santos nega troca de Ganso por Robinho


Num momento em que Paulo Henrique Ganso volta a se firmar como um dos melhores jogadores brasileiros em atividade no País, as especulações em torno de seu nome voltam a surgir. Desta vez, está envolvido em uma suposta troca com Robinho, que joga no Milan e que voltaria para o Santos.

Sem ouvir oficialmente dirigentes do Peixe, o portal italiano La Stampa informou que existe tal interesse por parte do Alvinegro e também de Robinho, mas que o negócio esbarra na diretoria rossonera, que não quer se desfazer do jogador. O atacante ex-Santos e Seleção Brasileira voltou a jogar bem e é titular na maior parte do tempo, ao lado do sueco Ibrahimovic.

Apesar do interesse sempre demonstrado pela diretoria do Peixe, e nunca negado pelo atleta, é bastante improvável que ele volte a jogar no clube neste momento. A Tribuna procurou a advogada de Robinho, Marisa Alija, que negou essa possibilidade.

"Agora ele está bem lá, está com a cabeça focada em jogar lá. Até porque tem mais dois anos de contrato", declarou. "Ele deixa claro que um dia quer voltar e não fala uma data certa, mas seria mais para o fim da carreira".

O presidente do Peixe, Luis Alvaro Ribeiro, classificou a informação como "piada". E disse: "A cada véspera de partida importante do Santos, algumas pessoas de caráter muito duvidoso plantam uma notícia envolvendo o Ganso", respondeu. "Isso não tem o mais remoto fundamento. Essa notícia é ridícula".
(Fonte: Jornal A Tribuna - Santos)

Making Of: Santos x Catanduvense

Histórias do Santos FC (19) - 1964

                         Não deixem de ver as postagens anteriores desta série!
     

                              Em pé: Ismael, Zito, Lima, Geraldino, Olavo e Gilmar
                       Agachados: Peixinho, Gonçalo, Toninho Guerreiro, Pelé e Pepe

No ano de 1964, o Santos ganhou quase tudo o que disputou. Só não consegui o tri da Libertadores.
O Peixe  iniciou o campeonato nas semifinais e foi eliminado após duas derrotas para o Independiente, que iria ganhar o primeiro dos seus sete títulos da Libertadores.
Eis a campanha do Santos na Libertadores de 1964:

15 de Julho de 1964 - Santos, São Paulo - Santos 2x3 Independiente (ARG)
22 de Julho de 1964 - Avellaneda, Argentina - Santos 1x2 Independiente (ARG)
                                                                                
Taça Brasil                                                                 
A Taça Brasil de 1964 reuniu os 21 campeões estaduais do país em sua sexta edição. Os vitoriosos dos torneios paulistas e cariocas (Flamengo e Santos) entravam somente nas semifinais e ambos se classificaram para a final. No primeiro jogo o Santos venceu por 4 a 1, assegurando o título e a vaga para a Taça Libertadores da América de 65, após um empate sem gols no segundo confronto. O Santos sagrava-se tetra Campeão do Brasil.

FICHA TÉCNICA DA FINAL
FLAMENGO 0 X 0 SANTOS
Data: 19/12/1964
Local: Estádio do Maracanã
Renda: Cr$ 54.302.808,00
Público: 52.508
Árbitro: Armando Marques (SP)

FLAMENGO: Marcos Aurélio; Murilo, Ditão e Ananias; Paulo Henrique e Carlinhos; Evaristo, Amauri, Airton (Berico), Paulo Alves e Carlos Alberto
Técnico: Flávio Costa

SANTOS: Gilmar; Modesto e Geraldino; Ismael, Haroldo e Zito; Toninho (Lima), Mengálvio, Coutinho, Pelé e Pepe.
Técnico: Lula

Rio / São Paulo
Em 1964, Santos e Botafogo terminaram empatados o torneio que foi disputado no sistema de pontos corridos. Com isso foi forçado uma decisão extra em duas partidas. No primeiro jogo, o Botafogo derrotou o Peixe por 3 a 2 em 10 de janeiro de 1965. O segundo compromisso porém, no qual o Botafogo dependia apenas de um empate, acabou sendo cancelado pois os dois times sairam em excursão e não tinham datas para a realização da partida. Então, a CBD tomou a estranha decisão de declarar Botafogo e Santos como campeões. Coisas daquela época... que apesar de o profissionalismo já estar implantado a muito tempo, tomavam decisões puramente amadoras.

Campeonato Paulista de 1964
Pelo Paulistão de 1964, em seu antepenúltimo jogo, em 06 de dezembro, o Santos de Pelé e Cia. enfrentou ao Corinthians no Pacaembu, vencendo com o incrível resultado de 7 a 4, e alcançando 40 pontos contra 38 do rival (as vitórias valiam só 2 pontos na época).
                                                                                               

No jogo seguinte, em 09 de dezembro, goleou o São Bento de Sorocaba por 6 a 0, atingindo 42 pontos e eliminando Palmeiras (com 37 pontos, podendo chegar a apenas 41) e Corinthians (que só podia alcançar 40 pontos).
                                                       
A última rodada, coincidentemente, trazia o encontro do líder Santos, contra a Portuguesa, vice-líder com 40 pontos e único time que poderia roubar-lhe a taça, caso ganhasse a partida, empatando em pontos e forçando um jogo extra. Jogando na Vila Belmiro em 13 de dezembro, o Santos ganhou da Portuguesa por 3 a 2 e sagrou-se bi-campeão paulista. O Palmeiras ficou com o vice.
Em 1964 novamente Pelé, pela oitava vez consecutiva conquistava a artilharia do campeonato com 34 gols.

O time do Santos nesta partida contra a Portuguesa foi o seguinte:
Gilmar, Ismael, Modesto e Lima; Haroldo e Zito; Toninho, Melgálvio, Coutinho, Pelé e Pepe.
Técnico: Lula.
Campanha: 30 Jogos - 20 vitórias, 4 empates, 6 derrotas - 95 gols pró, 47 gols contra.


Caros amigos, vale a pena ouvir (sem vídeo) a narração de Fiori Gigliotti, da partida em que o Santos goleou o Corinthians por 7 x 4. Para os mais jovens é uma oportunidade de ouvir este grande narrador no auge de sua carreira. Para os mais antigos, incluo-me nestes, relembrar os tempos que futebol era só pelo rádio. Observem que naquela época também havia briga nas arquibancadas, como o Fiori anunciou durante a narração. O único senão deste áudio, é que foram cortados os dois primeiros gols e o último do Peixe. Mesmo assim, não deixem de ouvir... Resumo de 1964:
Bicampeão do Torneio Rio/S. Paulo
Campeão Paulista (8º) Tetracampeão da Taça Brasil (4ª)                     <><><><><><>
Dados de jogos do Santos FC na temporada 1964
JOGOS - 69 VITÓRIAS - 47 EMPATES - 6 DERROTAS - 16 GOLS PRÓ - 194 (MÉDIA 2,81 GOLS/JOGO) GOLS CONTRA - 113 (MÉDIA 1,63 GOL/JOGO) SALDO - 81
Obs. Não deixem de ver as próximas postagens desta série!

Milan pede Ganso como moeda de troca para liberar Robinho


O desejo do Santos em ter Robinho novamente no elenco é grande, mas as negociações brecam na vontade do Milan em permanecer com o atacante. Nesta terça-feira, a negociação ganhou um novo capítulo com uma possível troca envolvendo Paulo Henrique Ganso, e que pode fazer a equipe italiana abrir mão do seu camisa 70.

Segundo o site do jornal italiano La Stampa, Ganso seria a moeda de troca do Peixe para trazer Robinho de volta à Vila Belmiro. O Milan estaria disposto a sacrificar seu atacante para ter o atual camisa 10 do Peixe, que tem sido alvo de desejo do vice-presidente do clube italiano Adriano Galliani. A troca seria a única maneira de fazer o Milan liberar Robinho.

Robinho expressou o desejo de encerrar a carreira no Santos, mas não revelou a data do retorno ao Brasil. Caso ocorra a negociação, será a terceira passagem do atacante de 28 anos pelos Santos, onde foi bicampeão brasileiro, campeão da Copa do Brasil e do Campeonato Paulista.
(Fonte: Jornal A Tribuna - Santos)

-Caros amigos, pesar de que o Ganso não está satisfeito no Santos porque não consegue chegar num acordo sobre o seu salário, acho que uma troca, só se o Milan voltar um bom dinheiro.  Tem outras situações a serem vistas: até quando o Robinho vai querer jogar no Santos? Será que não vai aprontar novamente? Só que agora tem um grande diferencial em relação a 2005: ele não tem mais o mesmo mercado no exterior  como tinha quando saiu naquela época. E o salário? Quanto vai querer ganhar o Robinho? Acho que vai pedir uma pequena fortuna. Com respeito a parte técnica, acredito que os dois estão equiparados, pois apresentam rendimento irregular nos jogos que eles participam. Entendo que é um caso para a diretoria analisar com muito cuidado.

terça-feira, 17 de abril de 2012

Neymar ganha música sertaneja



Neymar acaba de ganhar mais uma música. O craque do Santos, que já tem funk e sons de outros gêneros o citando, agora é homenageado por Rafael Quadros, com o sertanejo “Neymar é tois”, referência à gíria usada pelo atacante e seus amigos em substituição da palavra "nóis"

Na música, Neymar é exaltado a todo momento, principalmente pela habilidade, e até seu lema “ousadia e alegria” é lembrado.

Depois de fazer do hit “Tchu Tcha”, de João Lucas e Marcelo, um fenômeno, ao comemorar seu centésimo gol da carreira com dancinha característica da música, agora mais um som pode virar febre com o nome do jogador. Será que emplaca?

Confira a música no vídeo abaixo:

domingo, 15 de abril de 2012

Santos dará placa a Ganso por golaço deste domingo na Vila


Momento em que Ganso encobriu o goleiro Fellipe
 (Foto: Ivan Storti)



Maravilhado com gol do meia neste domingo, presidente santista, Luis Alvaro Ribeiro, prometeu homenagem ao Maestro

Não é so o craque Neymar que tem o privilégio de receber placas por conta de lindos gols marcados no gramado da Vila Belmiro. O meia Paulo Henrique Ganso também irá receber uma homenagem no estádio, por conta do golaço feito por cobertura, na goleada por 5 a 0 sobre o Catanduvense.

O presidente santista, Luis Alvaro de Oliveira Ribeiro, prometeu eternizar a "pintura" do meia. O mandatário ficou maravilhado com o lance e propôs a entrega de uma placa ao camisa 10.
- Sempre fazendo história. O primeiro gol do centenário. E não poderia ser diferente, um belo gol - afirmou Ganso, na saída para o intervalo.

O golaço aconteceu no primeiro tempo. O camisa 10 recebeu passe de Neymar e encobriu o goleiro Filippi, com um toque refinado.

Não foi só o mandatário que ficou embasbacado com o golaço de Ganso. O técnico Muricy Ramalho, após o termino da partida, elogiou a ótima atuação do jogador, que ainda marcou mais um gol na goleada do Peixe.

- Foi uma coisa fantástica, ele não estava olhando para gol, mas sabe onde estava o goleiro. Só cara que é craque consegue fazer isso. Um jogador normal não faz isso, ainda mais no campo molhado - disse Muricy.
Neymar também se rendeu ao amigo. Após o lance, ele pediu aplausos da torcida.

- Fico feliz não só por um companheiro que faz gol de placa, mas por todos. O Santos tem um elenco forte, com nível de Seleção. O Ganso é extraordinário, todo time do mundo queria ter um jogador assim. Eu ajoelho e dou os parabéns para ele hoje - comentou a Joia.

Placas na Vila:

1996 - Marcelinho

Jogando pelo Corinthians, o Pé de Anjo fez um golaço contra o Santos, na Vila Belmiro. O meia recebeu de Tupãzinho, deu um chapéu no zagueiro Ronaldo Marconato com um toque de calcanhar e completou de primeira para o fundo do gol de Edinho. A obra-prima lhe rendeu uma placa oferecida pelo Rei Pelé

1996 - Robert

Meses após oferecer uma homenagem a Marcelinho, Pelé entregou uma placa a Robert, por gol marcado contra o Rio Branco. O meia arrancou do campo de defesa, deixou quatro jogadores para trás, fintou o goleiro e fez um lindo gol.

1997 - Dutra

Em partida do Santos contra o Bahia, o lateral-esquerdo Dutra fez o gol que Pelé não fez. A bola sobrou para o camisa 3 no meio de campo e, como o goleiro adversário estava fora da meta, ele arriscou de longe, por cobertura, e fez um golaço.

2009 - Ronaldo

Na final do Paulistão, o Fenômeno marcou um dos gols mais belos da carreira, como ele mesmo definiu. Ele recebeu na intermediária, fintou Triguinho com um corte, e com outro toque na bola, encobriu o goleiro Fábio Costa, de muito longe.

2011 - Neymar

Pelo Brasileirão, Joia fez fila na zaga do Flamengo e marcou um golaço. "Pintura" rendeu o Prêmio Puskás ao craque da camisa 11.

2012 - Neymar 


Dia 08 de março de 2012, pela Copa Libertadores, na Vila Belmiro, Neymar marcou três gols. O segundo foi o mais bonito e garantiu ao craque outra "placa".
(Fonte texto: Lancenet.com)

Assista nos vídeos abaixo, os gols de placa do Santos, incluindo o do Robert e do Dutra





Sem ressaca da festa de sábado, Santos goleia: 5 x 0


Caros amigos, após as festividades de ontem, o Santos voltou nesta tarde na Vila Belmiro e ainda em ritmo de festa, aplicou uma goleada no Catanduvense por 5 a 0, em sua primeira apresentação como um clube centenário.
Ganso (2), Neymar e Borges (2), fizeram os gols. O primeiro do camisa 10, inclusive, pode ser considerado de ‘placa’, digno dos 100 anos de história do alvinegro praiano. 

Como fato desagradável, foi a contusão do lateral direito Fucile, que após levar um pisão de um adversário, logo foi substituído com dores no pé. Esperamos que não tenha acontecido nenhum problema grave. Também tivemos dois jogadores que levaram cartão amarelo (Juan e Elano), que convenhamos, num jogo em que naquelas alturas já estávamos ganhando de 2 x 0 e garantidos no terceiro lugar, poderia ser evitado.

Com o resultado, o clube encerrou a fase de classificação do Estadual na terceira posição.
A colocação garante à equipe a vantagem do mando no confronto das quartas de final do Paulistão. O adversário será Mogi Mirim, sexto colocado. O duelo entre as duas equipes está previsto para o próximo domingo




E a festa continua neste domingo...




Festa, ídolos e uma data histórica: o clima na Vila Belmiro neste fim de semana é o melhor possível. E para manter o ritmo de "ousadia e alegria", o Santos volta a campo pelo Campeonato Paulista, neste domingo, às 16h, contra o já rebaixado Catanduvense. A vaga garantida nas quartas de final não basta: o Peixe quer a vitória para se manter entre os quatro primeiros e, assim, disputar o mata-mata em casa.

O técnico Muricy Ramalho não fez mistério para o duelo e colocará força máxima em campo. Elano receberá a chance de assumir a condição de titular. Com isso, Ibson vai para o banco.

Aliás, no banco de reservas está a principal ausência sentida pelo treinador. Alan Kardec não se recuperou de dores na região da costela e desfalcará a equipe. No restante, o time é o mesmo das últimas partidas. O alçapão da Vila virou um fator importante para o Santos nessa temporada. O time está invicto atuando sobe os seus domínios, em 2012.

Após o confronto diante da Catanduvense, o Peixe se prepara para mais uma partida decisiva. Dessa vez, pela Taça Libertadores da América. Na próxima quinta-feira (19), às 19h45, o Peixe encara o The Strongest, da Bolívia, na Vila Belmiro, em jogo válido pela última rodada da primeira fase da competição. O time depende apenas de si para se classificar, podendo perder até de goleada para os bolivianos.

Já rebaixado, o Catanduvense dispensou parte do elenco e deve mandar o restante embora na segunda-feira, já que não deve disputar a Copa Paulista, no segundo semestre, e só voltará a jogar na Série A2 de 2013. A única expectativa é conseguir uma despedida digna e não acabar como coadjuvante de uma goleada histórica no dia em que o Santos vai comemorar em campo seu centenário.
(Fonte: TV Tribuna - Santos)