NOTICIAS ATUAIS E FATOS QUE FIZERAM A HISTÓRIA DO SANTOS FC

<><><><> BEM - VINDO A ESTE BLOG <><><><>


Atenção: Este Blog não tem fins lucrativos e é usado apenas como hobby


sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Ídolos do Santos FC (09) - Odair Titica


Caros amigos, Odair dos Santos, ou simplesmente Odair, ou ainda, Odair Titica, é o 13º artilheiro do Santos com 134 gols. Odair nasceu na terra de Brás Cubas no dia 07/12/1925 e estreou com vitória pelo placar de 5 a 1, como ponta-direita do Santos em um amistoso diante do combinado Jabaquara / Portuguesa Santista no dia 23/06/1943.

Uma das maiores lembranças que sua companheira de tantas décadas dona Heloísa, uma nostálgica viúva moradora no bairro do Macuco, que ela faz questão de contar para os filhos e netos, é a maior façanha do seu saudoso esposo Odair que numa partida jogada na Vila Belmiro pelo campeonato paulista no dia 29/08/1948 quando o time então era dirigido pelo técnico Osvaldo Brandão, triturou o Comercial da Capital pelo dilatado escore de 5 a 4 com Odair marcando os 5 gols do time santista. Nesta ocasião, o Santos atuou com: Robertinho; Artigas e Alfredo; Nenê, Pascoal e Alfredinho; Alemãozinho, Antoninho, Paulo, Odair e Pinhegas.

Antes de antes ter no futebol uma profissão, o garoto Odair trabalhava no centro da cidade de Santos, vendendo jornais diariamente nas ruas próximas a praça Mauá.

Odair jogou bola como forma de sobreviver em uma época bem diferente dos dias atuais, no que tange a remuneração profissional paga aos atletas já que era muito comum após os jogadores encerrarem a carreira irem trabalhar em uma outra atividade que lhes garantisse o sustento não só deles como também o de suas famílias.

E com ele não foi diferente, pois tão logo pendurou as chuteiras foi ganhar o pão de cada dia, labutando arduamente no cais do porto santista na honrosa e digna categoria dos estivadores. Mais tarde, foi trabalhar com dois ex-jogadores também do Santos, Lalá e o falecido Araras na conhecida loja de artigos esportivos ora existente na avenida Pedro Lessa onde ficou por aproximadamente 10 anos.

A última partida que o avante Odair jogou com a camisa do Santos, foi no dia 17/04/1952 em um amistoso na Vila Belmiro diante do São Cristóvão na vitória de 4 a 3 com gols de Aires (2), 109 e Nando com o time sendo dirigido pelo técnico Aimoré Moreira. Nessa vitória o Peixe formou com Manga; Hélvio e Expedito; Nenê, Formiga e Paschoal; 109 (Alemão), Antoninho, Aires, Odair e Nando.


No dia 23/12 /1950, Odair Titica marcou gol numero 3000 do Santos FC, no empate de 2 x 2 com o XV de Piracicaba.

Odair dos Santos disputou pelo Santos 225 jogos e foi um exemplo de atleta dentro das quatro linhas e um modelo de ser humano a ser seguido fora delas. O goleador que a estiva abrigou em seu quadro profissional faleceu no dia 07/05/1996 e seu nome é sempre lembrado pelos veteranos torcedores do Peixe que muito o aplaudiam ao término das vitórias obtidas no Estádio Urbano Caldeira. Valeu artilheiro Odair!



2 comentários:

Carlos Galante disse...

Quado moleque eu assisti há muitas partidas do Santos era fã de Odair, que aliás morava na Rua Itororó, perto do Palácio da Polícia, depois casou e foi morar noa Rua Alfredo Albertine no Marapé, fiquei triste quando Ele se transferiu para o Palmeiras da Capital. (Seu Irmão Horácio trabalhava de zelador no Colégio Olavo Bilac no Marapé).

Célio Pegoraro disse...

Olá Carlos, boa tarde! Fiquei feliz em saber que você guarda boas lembranças deste que foi um de nosso ídolos!
Obrigado por acessar o blog! Abração